Acompanhe o TPBR nas redes sociais

Contém spoilers.

Com a iniciativa arcaica de revisitar a história da cidade, o retorno de Twin Peaks explora a noção do tempo e o peso do passado e seus novos rumos que estão ligados ao contato com o sobrenatural. Assim ligando o mistério do Agente Cooper com as novas subtramas, ainda que algumas não tenham uma resposta concreta até o momento.

Apegado a sua linguagem mais recente de filmes como Mulholland Drive (2001) e Inland Empire (2006), David Lynch insere mais elementos ao universo da série, assim enriquecendo sua atmosfera (e deixando o público com ainda mais dúvidas). Apesar da perceptível ligação com o passado, o desenvolvimento dos personagens clássicos ainda é mínimo, nos introduzindo aos seus novos cotidianos. A série permanece dialogando com o reflexo da sociedade com uma nova visão, apenso ao humor negro tendo como base do mais incomum ao mais convencional das pessoas e a crítica ainda prevalecente ao comportamento social do ser humano.

Engana-se quem acha que Twin Peaks: The Return liga os pontos deixados pelo fim da segunda temporada e do filme de 92. Lynch dá mais peças para o quebra-cabeça infinito da série. A primeira cena da terceira temporada mostra o Gigante e Dale Cooper, em preto e branco, em um ambiente clássico e rústico, que não aparenta ser o Black Lodge, mas onde os personagens se comportam como se estivessem em tal lugar, visto que estão sentados de frente para o outro e o Gigante fala de trás pra frente revertido.

Na segunda parte, o subdelegado Hawk encontra a entrada para o Black Lodge na floresta enquanto conversa com Margaret, a Senhora do Tronco. Mais tarde, vemos Dale autorizado por Laura a deixar o Black Lodge e vemos uma saída através das cortinas vermelhas que dá para uma autoestrada, onde sua réplica está dirigindo. E então, Dale é interrompido pelo doppelganger do Braço Esquerdo. Logo após deixar o Black Lodge, Cooper vai parar na caixa de vidro, situada em Nova York, introduzida na primeira parte, onde mais tarde vemos que logo depois será ocupada por uma entidade que ataca os personagens apresentados anteriormente.

A morte de Laura e Leland Palmer, no entanto, não impede que suas almas (ou réplicas) vaguejem pelo Black Lodge… deixando a questão sobre as ocorrências que levam à saída de Cooper da sala vermelha e como ele sucede ao mundo real. Resta acompanhar a nova temporada de Twin Peaks! Toda segunda-feira, duas partes disponíveis na Netflix aqui no Brasil.

Comentar via Facebook

Comentário(s)

COMENTÁRIOS

Não existem comentários

DEIXE SEU COMENTÁRIO